Euclides está em casa

Euclides viveu há cerca de 2.300 anos na Grécia e foi quem lançou as bases da geometria. Coincidentemente, ele está em dois livros que acabam de chegar na casa. O primeiro é o infantojuvenil A casa de Euclides em que Sergio Capparelli, acompanhado de ilustrações de Ana Gruszynski, explora em versos a natureza das formas geométricas:

Festa na casa de Euclides

O triângulo escaleno
Tirou a linha para dançar.
Pra quê? Foi o sinal
Para o baile começar.

Com dois catetos,
A hipotenusa e a bissetriz
Dançaram, dançaram
E no fim pediram bis.

Vinte quadriláteros
Desengonçados
Entraram em fila
Para uma quadrilha.

Tangentes tangiam,
Secantes secavam,
Pentágonos espiavam,
Cilindros corriam.

Orquestra animada,
Até o nascer do dia:
Um baile jamais visto
No país da geometria.

O outro livro é A Teoria da Relatividade, em que Albert Einstein explica para leigos os princípios básicos da sua mais famosa teoria, e cita Euclides logo no início do primeiro capítulo:

É bem provável que na escola o caro leitor ou leitora tenha travado conhecimento com o imponente edifício que é a geometria de Euclides e que se lembre, talvez com mais respeito do que afeição, das inúmeras horas gastas sob a tutela de professores conscienciosos na ascensão das altas escadarias desse imponente prédio.

"Euclid of Megare", pintura de Justus of Ghent, datada de cerca de 1474

“Euclid of Megare”, pintura de Justus of Ghent, datada de cerca de 1474

Tags: , , , , ,

Envie seu comentário

* Campos obrigatórios