Lovecraft ensina a pronunciar “Cthulhu”

Acaba de chegar à Coleção L&PM Pocket, O chamado de Cthulhu e outro contos, de H. P. Lovecraft. E bastou chegar pro pessoal começar a perguntar: mas, afinal, como se pronuncia essa palavra alienígena do título? Cutulo? Chulhu? Ctulho? Ó céus… Como pedir esse livro na livraria? Calma! Não é fácil mesmo.

O próprio Lovecraft não tinha uma resposta definitiva a respeito. Afinal, é um nome criado em um idioma horripilantemente interplanetário.

Em uma carta que ele enviou a um certo amigo (que questionara sobre como ele deveria dizer Cthulhu), Lovecraft escreveu:

“O nome da entidade infernal foi inventado por seres cujos órgãos vocais não eram como os do homem, portanto, não tem relação com o equipamento de fala humana. As sílabas foram determinadas por um equipamento fisiológico completamente diferente do nosso, portanto nunca poderia ser proferido perfeitamente por gargantas humanas… O som real — o mais próximo dele que podem chegar os órgãos humanos de pronunciá-lo ou a caligrafia humana de reproduzi-lo — seria algo como Khlûl’-hloo, sendo a primeira sílaba muito gutural e viscosa.”

Entendeu alguma coisa? Não né? Digamos que você terá que grunhir, ladrar ou tossir para pronunciar algo como “Cluh-Luh” com a ponta da língua firmemente grudada no céu da boca. No Youtube há um vídeo bem engraçado que tenta ensinar a pronúncia aos leitores a partir da descrição de Lovecraft. Vale tentar:

O conto O chamado de Cthulhu foi escrito por Lovecraft em 1926 e deu origem aos chamados “Mitos de Cthulhu”, denominação sob a qual parte de sua obra foi reunida depois que o escritor morreu. Ah e pra facilitar a gente prefere dizer “Ctulu”. Assim bem simples.

O_chamado_de_Cthulhu

Tags: ,

Envie seu comentário

* Campos obrigatórios