Fatos e Mitos

Alimentos diet são menos calóricos do que os convencionais?

sábado, 10 dezembro 2011

Nos sábados, este blog publica algumas das dúvidas que são esclarecidas em “Fatos & Mitos sobre sua alimentação“, o novo livro do Dr. Fernando Lucchese. O Dr. Lucchese é autor também do bestseller Pílulas para viver melhor, entre outros livros.

Alimentos diet são menos calóricos do que os convencionais?

Produtos diet são aqueles que restringem completamente algum tipo de nutriente, como açúcar, proteínas, gordura ou sódio. O chocolate dietético, por exemplo, não tem açúcar, mas é mais calórico do que o tradicional devido à maior adição de gordura. Com a retirada de algum nutriente, o alimento pode até apresentar uma diminuição nas calorias, mas isto não quer dizer que seja menos calórico do que o convencional. Deve-se verificar se essa redução é significativa e justifica a substituição do alimento convencional pelo diet. Leia sempre os rótulos, informe-se!

Cafeína pode ajudar a queimar gordura?

sábado, 3 dezembro 2011

Nos sábados, este blog publica algumas das dúvidas que são esclarecidas em “Fatos & Mitos sobre sua alimentação“, o novo livro do Dr. Fernando Lucchese. O Dr. Lucchese é autor também do bestseller Pílulas para viver melhor, entre outros livros.

Cafeína pode ajudar a queimar gordura?

A cafeína aumenta a quantidade de gordura que é liberada pelas células adiposas, permitindo ser mais facilmente utilizada como combustível. Não há nada de errado em tomar uma xícara de café de manhã, porém, para maximizar os efeitos da queima de gordura, o melhor é tomar cerca de uma hora antes de se exercitar. Mas não espere milagres. A quantidade de gordura queimada pela cafeína é muito pequena.

Ovos são vilões?

sábado, 26 novembro 2011

Nos sábados, este blog publica algumas das dúvidas que são esclarecidas em “Fatos & Mitos sobre sua alimentação“, o novo livro do Dr. Fernando Lucchese. O Dr. Lucchese é autor também do bestseller Pílulas para viver melhor, entre outros livros.

Ovos são vilões?

É verdade que os ovos têm muito colesterol, acima de 200 mg, que é mais do que dois terços do limite recomendado pela American Heart Association, que é de 300 mg por dia. Mas esse colesterol não é tão perigoso assim como se pensava. Apenas parte do colesterol dos alimentos chega à corrente sanguínea e, se de colesterol aumenta, o corpo compensa, produzindo menos colesterol. Portanto, se você não exagerar e comer um por dia, não qualquer perigo. Na verdade, os ovos são uma excelente fonte de proteínas e contêm gordura insaturada, o Ômega-3, uma gordura saudável. Porém, se você tem colesterol alto, procure evitar excessos. Seu colesterol aumentará ainda mais. Então, pode-se dizer que os ovos estão absolvidos? Talvez nunca devessem ter sido condenados. Foi uma condenação injusta.

Comer semente de abóbora é melhor do que tomar remédio?

sábado, 19 novembro 2011

Nos sábados, este blog publica algumas das dúvidas que são esclarecidas em “Fatos & Mitos sobre sua alimentação“, o novo livro do Dr. Fernando Lucchese. O Dr. Lucchese é autor também do bestseller Pílulas para viver melhor, entre outros livros.

Semente de abóbora é melhor do que tomar remédio?

A semente de abóbora é tão rica em nutrientes que deveria ser mais usada em sopas, saladas etc. Os nossos cozinheiros ainda não descobriram esse fato. Ela contém grandes quantidades de cálcio, ferro, zinco e magnésio. Do zinco vem a suposição de que tenha propriedades afrodisíacas, além de ser um protetor de próstata. Também constitui uma excelente fonte de proteína e Ômega-3, uma gordura saudável necessária ao organismo. Torrar as sementes levemente melhora seu gosto.

Qualquer azeite de oliva faz bem para a saúde?

sábado, 12 novembro 2011

Nos sábados, este blog publica algumas das dúvidas que são esclarecidas em “Fatos & Mitos sobre sua alimentação“, o novo livro do Dr. Fernando Lucchese. O Dr. Lucchese é autor também do bestseller Pílulas para viver melhor, entre outros livros.

Qualquer azeite de oliva faz bem para a saúde?

Aí está a pegadinha. O azeite de oliva extravirgem, que é o que reúne as qualidades mais saudáveis, apresenta no máximo 1% de acidez. Sua produção é muito pequena em todo o mundo, mas a venda com esse título é absurdamente alta. Por isso, temos de ficar de olho nas melhores marcas e na acidez declarada pelos fabricantes sérios. Quanto menor for a acidez do azeite, melhor ele será.

Comer fruta com semente pode causar apendicite?

sábado, 5 novembro 2011

Nos sábados, este blog publica algumas das dúvidas que são esclarecidas em “Fatos & Mitos sobre sua alimentação“, o novo livro do Dr. Fernando Lucchese. O Dr. Lucchese é autor também do bestseller Pílulas para viver melhor, entre outros livros.

Comer fruta com semente pode causar apenditice.

Certas sementes, como as de laranja e melancia, principalmente, não são destruídas pelo aparelho digestivo e pessam intactas. Alguns casos de apendicite podem ser causadfos pela presença de uma semente no apêndice, causando inflamação e infecção. Mas isso não é comum. Claro que, quanto mais sementes você ingerir, maiores serão as chances de isso acontecer.

Alguns alimentos têm gordura zero?

sábado, 29 outubro 2011

Nos sábados, este blog publica algumas das dúvidas que são esclarecidas em “Fatos & Mitos sobre sua alimentação“, o novo livro do Dr. Fernando Lucchese. O Dr. Lucchese é autor também do bestseller Pílulas para viver melhor, entre outros livros.

Alguns alimentos têm gordura zero?

Todos os alimentos têm gordura, mesmo que em pequena quantidade. Até peito de frango grelhado tem gordura. Portanto, para perder peso, elimine frituras definitivamente de sua dieta e use apenas azeite de oliva ou óleo de canola e girassol, em pequenas quantidades. No preparo dos alimentos, evite ao máximo usar óleo, pois não é um tempero e não agraga nenhum sabor aos alimentos. Para se ter uma ideia, carboidratos e proteínas têm cerca de 4 calorias por grama, enquanto gorduras têm mais do que o dobro.

Qualquer alimento pode provocar alergia?

sábado, 22 outubro 2011

A partir de hoje, nos sábados, publicaremos aqui algumas das dúvidas que são esclarecidas em “Fatos & Mitos sobre sua alimentação“, o novo livro do Dr. Fernando Lucchese que chegará em breve às livrarias. O Dr. Lucchese é autor também do bestseller Pílulas para viver melhor, entre outros livros.

É fato ou é mito que qualquer alimento pode provocar alergia?

É impressionante, mas uma em cada três pessoas tem algum tipo de alergia. Muitos desconhecem suas alergias. A substância que provoca a alergia é chamada de alérgeno. Quando há contato do corpo com o alérgeno, há a produção de uma proteína chamada anticorpo para anular a ação do alérgeno. Geralmente, o contato com uma proteína estranha produz histamina, uma substância que causa inflamação no organismo. A histamina é um poderoso irritante dos tecidos. Aumenta a produção de secreção no nariz, causa vermelhidão na pele, entre dezenas de outras ações. Você conhece a histamina da sua última gripe, quando teve que tomar anti-histamínico para aliviar os sintomas de congestão nasal e mal-estar. O anti-histamínico também serve para tratar as alergias alimentares.