Posts Tagged ‘Castro Alves’

Livros à mão cheia!

terça-feira, 23 abril 2013

Por isso na impaciência
Deste sede de saber,
Como as aves do deserto -
As almas buscam beber…
Oh! Bendito o que semeia
Livros… livros à mão cheia…
E manda o povo pensar!
O livro caindo n’alma
É germe – que faz a palma,
É chuva – que faz o mar.

(Trecho do poema O livro da América,  de Castro Alves, o primeiro do livro Espumas Flutuantes)

23 de Abril é Dia Mundial do Livro. Dia de ganhar livros da L&PM. Ao longo do dia, vamos sortear 50 livros, entre volumes da Coleção L&PM Pocket e e-books nas redes sociais L&PM (Twitter e Facebook). Afinal, como diria Castro Alves, “bendito o que semeia livros, livros à mão cheia…”

contracapa_em_baixa_corte

 

A Consciência Negra na literatura

terça-feira, 20 novembro 2012

20 de novembro é o Dia Nacional da Consciência Negra, data escolhida porque foi nesse dia, em 1695, que morreu Zumbi dos Palmares. Celebrado desde a década de 1960, o Dia da Consciência Negra tornou-se tão importante no Brasil que, em muitas cidades, incluindo Rio de Janeiro e em São Paulo, é feriado. Entre as obras literárias que devem ser lembradas no dia de hoje está Os escravos, de Castro Alves. Poeta símbolo do romantismo brasileiro, seus poemas acabaram se tornando uma bandeira dos abolicionistas na luta contra a escravidão.

Trecho do poema "Saudação a Palmares", do livro "Escravos" de Castro Alves

Dia nacional de declamar poemas

quarta-feira, 14 março 2012

Rebramam os ventos… Da negra tormenta
Nos montes de nuvens galopa o corcel…
Relincha – troveja… galgando no espaço
Mil raios desperta co´as patas revel.

É noite de horrores… nas grunas celestes,
Nas naves etéreas o vento gemeu…
E os astros fugiram, qual bando de garças
Das águas revoltas do lago do céu.

(…)

(Trecho do poema “Pedro Ivo”, do livro “Espumas flutuantes”, de Castro Alves)

Castro Alves nasceu em 14 de março de 1847. E é em homenagem ao “Poeta dos Escravos” que este dia foi escolhido como o Dia Nacional da Poesia. Além do autor de Espumas flutuantesestão entre os poetas brasileiros da casa Olavo Bilac, Mario Quintana, Millôr Fernandes, Martha MedeirosPaula Taitelbaum e Affonso Romano de Sant’Anna.

Já os poetas de longe a gente deixa para homenagear na próxima quarta-feira, 21 de março, quando comemoramos o Dia Internacional da Poesia.

Mãe de escritor só tem uma

segunda-feira, 9 maio 2011

No clima do Dia das Mães, aí vai uma homenagem a mulheres sem as quais algumas das pessoas mais admiráveis do mundo não existiriam: 

Gabrielle, mãe de Jack Kerouac

Clara, mãe de Agatha Christie

Amalie, mãe de Freud

Jane, mãe de Mark Twain

Clélia, mãe de Castro Alves

Maria Magdalena, mãe de Fernando Pessoa

Katharina, mãe de Charles Bukowski