Posts Tagged ‘Vincent Price’

Edgar Allan Poe dá o maior cartaz

terça-feira, 7 outubro 2014

165 anos após a sua morte, Edgar Allan Poe segue sendo o grande mestre das histórias de terror e mistério. Adorado por muitos leitores, foi influência para outros tantos escritores. Conan Doyle, Agatha Christie e G. K. Chesterton, por exemplo, beberam na sua fonte e nunca negaram que eram seus admiradores. Roteiristas e diretores de cinema também aproveitaram suas tramas sinistras para causar arrepios na plateia. Nos anos 30, Bela Lugosi e Boris Karloff eram os principais atores dos filmes. Já na década de 60, Vincent Price tornou-se a grande estrela das aterrorizantes cenas saídas dos livros de Poe.  Dê só uma olhada nos cartazes das adaptações dos contos de horror que estão nos livros da Coleção L&PM Pocket:

"Assassinatos na Rua Morgue", de 1932 com

“Assassinatos na Rua Morgue”, de 1932 com Bela Lugosi

Filme de 1934 com Bela Lugosi e Boris Karloff

Filme de 1934 com Bela Lugosi e Boris Karloff

"O corvo", também com a dupla Karlof e Lugosi

“O corvo”, também com a dupla Karloff e Lugosi

Uma das mais famosas histórias de Edgar Allan Poe em filme de 1960

Uma das mais famosas histórias de Edgar Allan Poe em filme de 1960

"O poço e o pêndulo", uma história que está no livro "A carta roubada e outras histórias de crime e mistério", publicado pela L&PM

“O poço e o pêndulo”, uma história que está no livro “A carta roubada e outras histórias de crime e mistério”, publicado pela L&PM. O filme de 1961 é com Vincent Price

Filme de 1964

Filme de 1964 também com Vincent Price

Edgar Allan Poe hoje, ontem e sempre

quinta-feira, 19 janeiro 2012

Basta falar em Edgar Allan Poe para que nossa mente evoque imagens sombrias de histórias sobrenaturais. Nascido há exatos 202 anos atrás em Boston, no dia 19 de janeiro de 1809, Poe era filho de atores que morreram quando ele tinha apenas dois anos. Adotado por um rico comerciante, estudou na Academia Militar de West Point, foi expulso por indisciplina, viveu como nômade, mudou-se para Nova York, trabalhou como editor. E no meio de tudo isso, escreveu poemas, ensaios e contos marcados por temas como as alucinações e a fantasmagoria, as neuroses e as inquietações do homem, o duplo, a introspecção na alma, a morte e a fatalidade. Seus dias foram marcados pela mobidez e pelo alcoolismo e, considerado um “escritor maldito”, morreu em 7 de outubro de 1849. Suas histórias, no entanto, continuam mais vivas do que nunca, pulsando nos livros e também nas telas. Em 9 de março de 2012, estreia nos EUA “The Raven” (O corvo), filme que apresenta o ator John Cusack no papel de Edgar Allan Poe. O filme cria um relato ficcional dos últimas dias de vida do escritor em que ele se junta a um jovem detetive para caçar um serial killer que está usando o trabalho de Poe para cometer uma série de assassinatos brutais. 

O cartaz do filme que estreia em março

Mas este não é o primeiro “The Raven” de Edgar Allan Poe a ser levado às telas com atores de peso. Em 1963, inspirado no mais famoso poema do escritor, foi feito um filme com Boris Karloff e Vincent Price no elenco. Preste atenção no nome de um ator iniciante que aparece em letras miúdas:  Jack Nicholson. 

O filme de 1963 com "grande" elenco

Seja em estilo clean ou em cenário trash, basta o nome de Edgar Allan Poe aparecer para chamar atenção. Dele, na Coleção L&PM Pocket, são publicados O escaravelho de ouro e outras histórias,  Assassinatos na Rua Morgue, A carta roubada e O relato de Arthur Gordon Pym.