Posts Tagged ‘Johan Van Damme’

Os amantes de Tuareg

sexta-feira, 5 outubro 2012

Não faz muito tempo que escrevi um texto dizendo que o livro Tuareg é um romance imperdível. E parece que não sou só eu que penso assim. Uma matéria publicada no Jornal O Estado de Minas, de Belo Horizonte, em 23 de setembro passado, revelou que há um livreiro especializado em indicar este livro aos seus clientes. A história é ótima e vale ler! (Paula Taitelbaum)

Tradicional livreiro do Centro de BH fez de “Tuareg” um best-seller entre a sua vasta clientela

Eduardo Tristão Girão – EM Cultura

É fato. Se você não leu Tuareg por indicação do livreiro Johan Van Damme, conhece alguém (ou alguém que conhece alguém) que o tenha feito dessa forma. Proprietário da loja que leva seu sobrenome, no Centro de Belo Horizonte, ele ganhou fama por frequentemente sugerir aos fregueses o clássico do escritor espanhol Alberto Vázquez-Figueroa. Essa obra ocupa a primeira posição na estante batizada de “Sugestões do Sr. Van Damme”, que soma 90 títulos, à entrada da livraria.

Van Damme calcula ter vendido o livro do espanhol “a pelo menos nove mil pessoas” desde 1980, quando foi lançado no Brasil. O protagonista do romance é o tuareg Gacel Sayah, pertencente à população de costumes muito antigos e estilo de vida nômade que vive no deserto do Saara, no Norte da África. Habilidoso, o personagem domina o território e faz parte do grupo conhecido como Povo do Véu, cujo integrante jamais deixa um estranho conhecer-lhe o rosto. Só os olhos estão à vista.

A ação começa quando Sayah dá abrigo a dois fugitivos, seguindo seu próprio código de hospitalidade, sem se dar conta de quem são eles. O encontro o leva a uma aventura de desdobramentos impensáveis, envolvendo honra, costumes, estratégia, coragem e morte.

Van Damme conheceu Tuareg numa das remessas de editoras que chegam à sua livraria a todo momento, somando centenas de títulos novos por mês. “Na página 20, já estava incendiado e não consegui mais parar”, relembra o livreiro. Ele já leu o romance 14 vezes – inclusive a versão original, em espanhol. “Não perde a graça, pois é como um filme de cujo tema ou história a gente gosta”, garante. “A versão em português é excelente e não deixa nada a dever à espanhola”, completa.

O livreiro leu toda a obra de Vázquez-Figueroa. Ainda assim, Tuareg permanece no topo de suas preferências. “Esse romance toca muito. Mostra de onde tirar energia quando a gente acha não tê-la mais e como manter a tenacidade para alcançar os objetivos. É como naquela frase famosa: o covarde nunca começa, o fracassado nunca termina e o vencedor nunca desiste”, avalia.

Van Damme tem certeza de que ajuda a manter o romance espanhol popular, por meio de suas incansáveis indicações. A cada 20 meses, ele encomenda nova tiragem à editora gaúcha L&PM, cada uma com 2 mil exemplares. Tuareg está em sua 12ª edição brasileira e custa R$ 49,90 (R$ 22,00 em versão pocket).

Johan Van Damme