É “Dia do Orgasmo” em Esperantina

Se a jornalista americana Mara Altman soubesse que a cidade de Esperantina, no Piauí, é o único lugar do mundo em que se comemora o “Dia do Orgasmo”, talvez ela tivesse passado por lá. Aos 26 anos, Mara  não sabia o que era um orgasmo na prática e, justamente por isso, deu início a uma jornada para encontrá-lo. O resultado dessa busca virou o livro “Esse tal de orgasmo: uma jovem mulher em busca do prazer“.

O Dia do Orgasmo é comemorado hoje, 9 de maio. E nasceu em 2001, quando o então vereador Arimatéria Dantas Lacerda criou a data que, em 2005, foi sancionada pelo prefeito local. De acordo com o autor do projeto de Lei n° 1.037 de, a ideia é que a comemoração sirva para discutir a questão e quebrar preconceitos, ajudando as pessoas a viver melhor.

Arimatéria conta no site oficial da sua cidade que uma pesquisa de alunos da UFPI (Universidade Federal do Piauí) detectou que 28% das mulheres da região tinham dificuldade de atingir o orgasmo. “Isso é uma questão de saúde pública. Quando as pessoas acumulam frustrações sexuais, acabam extravasando em forma de violência”, diz ele. O lema do Dia do Orgasmo de Esperantina é: “Fome Zero, Orgasmo Dez.”

"Esse tal de orgasmo" parece combinar com a cidade de Esperantina

“Esse tal de orgasmo” parece combinar com a cidade de Esperantina

Tags: , , , ,

Envie seu comentário

* Campos obrigatórios