Da viagem à lua ao Dia Internacional do Amigo

Em 20 de julho de 1969, Neil Armstrong deu o pequeno passo que seria “um gigantesco salto para a humanidade”. O que o astronauta não sabia era que sua chegada à lua também seria responsável pela criação do Dia Internacional do Amigo. Isso porque, a partir de então, o argentino Enrique Ernesto Febbraro passou a divulgar exaustivamente que o feito era uma “grande oportunidade de fazer amigos em outras partes do universo” (!) e lançou a campanha Meu amigo é meu mestre, meu discípulo é meu companheiro (?). Tanto ele insistiu que, em 1979, através de um decreto, Buenos Aires adotou oficialmente o dia 20 de julho como aquele dedicado a todos os amigos. Da capital argentina, a data espalhou-se pelo mundo e, hoje, em quase todas as partes do planeta (ou será do universo?) é comemorado o Dia Internacional do Amigo.

E para mostrar que de amizade a gente entende, a Coleção L&PM Pocket publica alguns livros que trazem amigos até no título:

 Um amigo de Kafka, de Isaac Bashevis Singer
  
O amigo de infância de Maigret, de Simenon 

Garfield e seus amigos, de Jim Davis

Tags: , , , , , ,

  1. Anônimo disse:

    [...] This post was mentioned on Twitter by marcelocamanho, #..Ricardo Paixão..#, Pablo Lima, Rômulo Ohlweiler, Carlos Garcia and others. Carlos Garcia said: RT @LePM_Editores: #blog Você sabia que o Dia do Amigo foi criado por um argentino quando o homem pisou na lua? http://bit.ly/8Z8gNe [...]

  2. [...] [Via @LePM_Editores] Você sabia que o Dia do Amigo foi criado por um argentino quando o homem pisou na lua? [L&PM] [...]

Envie seu comentário

* Campos obrigatórios