O poeta é… Charles Bukowski

viagem à praia

os homens fortes
os homens musculosos
lá na praia eles
se sentam
bronzeados como chocolate
os pesos
espalhados ao seu redor e
intocados

ficam sentados enquanto
as ondas avançam e
recuam

ficam sentados enquanto o
mercado de ações
ergue e destrói
homens e famílias

ficam sentados enquanto
um apertar de botão
poderia transformar
seus caralhos
em palitos de fósforos
pretos e enrugados

ficam sentados enquanto
suicidas em quartos verdes
os trocam por espaço

ficam sentados enquanto antigas
Miss Américas
choram diante de espelhos
enrugados

ficam sentados
ficam sentados com menos
vivacidade que macacos
e minha mulher para e
os olha:
“uuuu uuuu uuuu”, ela
diz.

me afasto com
minha mulher enquanto as ondas
avançam e recuam.

“há alguma coisa errada
com eles”, ela diz, “o que
é?”

“o amor deles só corre em
uma direção.”

as gaivotas giram e
o mar avança e recua

e nós os abandonamos
lá atrás
desperdiçando o tempo que lhes
resta
o momento presente
as gaivotas
o mar
a areia.

De O amor é um cão dos diabos, Charles Bukowski

Tags: , ,

  1. Rody Cáceres disse:

    Inigualável! Perfeito para o período. Por favor, mais livros de poemas de Charles Bukowski…

  2. Rody Cáceres disse:

    Ah! Nos poemas anteriores postados no blog, o nome do poeta vinha por último. Era elgal ler e tentar reconhecer o estilo. Nesse poema de hoje, com certeza muitos leitores teriam sacado quem era. Fica a dica…

    • Paula Taitelbaum disse:

      Oi Rody! Obrigada pela dica. Não sabíamos se o pessoal gostava dessa falta de nome no início. Então de repente voltamos ao formato anterior. Bjs!

Envie seu comentário

* Campos obrigatórios