Posts Tagged ‘Dia de São Valentim’

O nada romântico Andy Warhol

terça-feira, 14 fevereiro 2012

Terça-feira, 14 de fevereiro, 1978. Eu não podia acreditar em quantas pessoas estavam na rua este ano comemorando o Valentine´s Day. Era realmente  uma comemoração, um grande feriado. (…) Fui apanhar Catherine para ir à festa de Valentine de Vitas no Le Club. Catherine estava com suas botas (táxi $3). Peter Beard e Tom Sullivan chegaram. Tom e Catherine fizeram um pacto e cada um pode ir onde quiser e fazer o que quiser com outras pessoas, e aí ele estava com uma modelo estonteantemente bela de dezesseis anos e ela estava (risos) comigo. Jerry Hall estava lá e disse que está procurando uma casa para Mick e que ela e ele vão morar juntos por seis meses. Acho que mais tarde eu disse isso para um repórter, mas não me importo. Ninguém gosta de Jerry Hall, todo mundo acha que ela é de plástico. Mas eu gosto dela. Ela é uma graça. Fomos ao Studio 54 e quase todo mundo estava lá.

O papa do pop não parecia ser muito romântico, como bem mostra o trecho acima, que faz parte do volume 1 de “Diários de Andy Warhol“, o número 1000 da Série L&PM Pocket. Para este livro, que vem em uma caixa especial, a L&PM WebTV produziu um vídeo especial:

Santo dia do amor

terça-feira, 14 fevereiro 2012

Hoje é Dia de São Valentim, dia internacional do amor, dia dos namorados em grande parte do mundo ocidental. A origem desta data, no entanto, tem diferentes versões. Que vai de um santo apaixonado à fertilidade dos pássaros.

São Valentim, o santo casamenteiro

Reza a lenda que Valentim era um sacerdote romano que viveu no século III. Quando o imperador Claudius II decidiu que os homens deveriam permanecer solteiros porque assim eram melhores soldados, o casamento foi proibido. Mas Valentim desafiou Claudius e continuou celebrando casamentos de jovens amantes em segredos. Ao ser descoberto, foi condenado à morte. Na prisão, enquanto esperava pela execução, apaixonou-se pela filha cega do carcereiro. Depois de escrever um bilhete para ela, o sacerdote assinou “De seu Valentim”, tornando a frase sinônimo para “Seu namorado”. A moça, então, teria recuperado à visão graças ao milagre de seu amor. E assim, 14 de fevereiro, seria depois considerado o Dia de São Valentim. Pra virar Dia dos Namorados foi só uma questão de tempo.

A festa pagã da fertilidade

Mas enquanto alguns acreditam que 14 de fevereiro é a data da morte do mais romântico de todos os santos, outros preferem crer que a data foi escolhida pela Igreja Católica para abafar uma antiga festa chamada Lupercália. Durante o festival era organizada a passeata da fertilidade e também uma espécie de jogo em que todas as jovens solteiras de Roma colocavam seus nomes em uma grande urna para que os homens, ao retirar um papel, escolhessem assim sua mulher. A Lupercália sobreviveu à ascensão inicial do cristianismo, mas foi considerada “não-cristã” no final do século V, quando o Papa declarou que o dia 14 de fevereiro era Dia de São Valentim.

Porque os pássaros também amam

Para completar, na Idade Média, dizia-se que 14 de fevereiro era o primeiro dia de acasalamento dos pássaros e que, por isso, os namorados deixavam mensagens de amor na soleira da porta de seus amados. Bonitinho, não?

Como dá pra ver, motivos para este dia ser apaixonante não faltam! Nem livros que falam de amor

Feliz Dia de São Valentim!

segunda-feira, 14 fevereiro 2011

No dia 14 de fevereiro, os apaixonados do hemisfério norte comemoram o Dia de São Valentim ou Dia dos Namorados, como é costume chamar aqui no Brasil. A diferença é que o nosso é no dia 12 de junho, véspera do Dia de Santo Antônio, o casamenteiro.

Lá fora, a homenagem a São Valentim é merecida: no século III, o bispo Valentim desafiou a ordem do imperador romano Cláudio II que proibia o casamento por acreditar que soldados solteiros tinham melhor desempenho no campo de batalha. Mesmo à revelia do imperador, o bispo continuou a celebrar casamentos, até ser descoberto e condenado à morte. Diz a lenda que, na prisão, ele se apaixonou pela filha cega de um carcereiro e, como que por milagre, devolveu-lhe a visão. Considerado mártir pela Igreja Católica, o dia de sua morte – 14 de fevereiro – foi oficializado como Dia de São Valentim, quando casais em vários países trocam presentes e juras de amor.

Aproveite para celebrar o amor em toda a sua diversidade e Feliz Dia de São Valentim! Os trabalhos da artista Claire Streetart podem servir de inspiração ;)

Arte de rua de Claire Streetart na Rua Mouffetard, em Paris

Mais arte de Claire Streetart num muro do bairro Sumaré, em São Paulo

Na praça Bolívar, Paris

A cena atrai a atenção de um pedestre em Vers Belleville

Curtiu? Veja outros trabalhos da artista em seu site oficial.