Jane Austen: orgulho e desagrado

Em julho deste ano, o Banco da Inglaterra anunciou que, a partir de 2017, as notas de 10 libras serão estampadas com o rosto da escritora Jane Austen. A notícia deixou orgulhosos os fãs da autora pelo mundo, mas desagradou profundamente a biógrafa Paula Byrne, autora de “The Real Jane Austen”, pois o retrato escolhido, segundo ela, teria sido “embelezado” e transformou a escritora numa “boneca bonita com olhos grandes e fofos”. Em entrevista à BBC, ela completou: “A roupa está errada e a imagem cria o mito de que Austen era uma solteira modesta e não uma autora de pensamento profundo. Ela estava à frente do seu tempo e o retrato original, feito por sua irmã Cassandra, mostra uma mulher inteligente e determinada.”

A Jane Austen Society, entidade que preserva a memória da escritora, aprovou o desenho e reafirmou à BBC que o Banco da Inglaterra “fez um bom trabalho”, uma vez que o único retrato autêntico da escritora é um desenho feito a lápis, que está na National Portrait Gallery.

jane

Retrato de Jane Austen no original (esquerda) e na nova nota de 10 libras

via Folha

Tags:

  1. Concordo plenamente com Paula Byrne. A versão da nota aprovada até o momento é uma versão mais adocicada ainda da encomendada pelo sobrinho em 1870.

Envie seu comentário

* Campos obrigatórios