Clássica e moderna, avançada e estagnada. A velha China é o futuro?

Sem liberdade política e com toda a liberdade econômica. Onde comunistas e milionários se cruzam pelas ruas abarrotadas por um bilhão e trezentos milhões de chineses. Uma economia hiper hightech, mas que ainda utiliza trabalho escravo. Confúcio, Marx, Apple e McDonalds são apenas alguns dos ingredientes que compõem este caldeirão complexo do país que mais cresce no mundo. Ninguém escapa dos chineses… da camisa Ralph Lauren à TV de alta definição, passando pela bolsa Louis Vuitton, o sapato, o jeans, o amortecedor do seu carro…

Para entender melhor este mundo tão distante e ao mesmo tempo tão próximo – e descobrir como foi criado este “monstro”, leia China moderna, de Rana Mitter, título que é uma parceria da Oxford University Press com a série Encyclopaedia, Coleção L&PM Pocket.

Tags: , , ,

Envie seu comentário

* Campos obrigatórios