H. G. Wells, um escritor (e um homem) à frente do seu tempo

O ficcionista e novelista H. G. Wells, autor de Uma breve história do mundo, lançado em 1922 e publicado pela primeira vez no Brasil pela L&PM, antecipou em sua literatura diversos temas que só ganharam atenção das pessoas muito tempo depois.

E não foi só nos seus livros que ele mostrou estar na frente. Na primeira década do século 20, bem antes da revolução sexual ocorrida no mundo nos anos 60, Wells já chocava a opinião pública com suas convicções sobre amor livre e casamentos abertos. Em Ann Veronica, publicado em 1909, ele retrata sua visão sobre temas como a sexualidade feminina, a quebra de convenções sociais relacionadas à mulher e até o direito ao voto.

Talvez por isso, alguns críticos e estudiosos de sua vida e obra o consideram um escritor profeta, pois no final do século 19 e início do século 20 ele já escrevia sobre guerra nuclear, televisão e internet.

H. G. Wells tinha apenas 29 anos quando escreveu A Guerra dos Mundos (1898), imortalizada na adaptação de Orson Welles para o rádio em 1938.

Em 2006, a BBC realizou um filme sobre a vida do escritor:

Tags: , , , ,

  1. [...] Agassi. Em seu blog, Xerxenesky continua rastreando aspectos da realidade literária brasileira. No blog da L&PM saiu uma matéria bem legal sobre a literatura do H.G. Wells. No TodoProsa, Sérgio Rodrigues [...]

Envie seu comentário

* Campos obrigatórios